Área reservada

Esqueceu a sua palavra-passe? clique aqui

Cancelar

Registo de utilizador

Registo de utente

Registo exclusivo para utentes das consultas de nutrição Dieta Pura.

DIA DA ASNEIRA: SIM OU NÃO?

DIA DA ASNEIRA: SIM OU NÃO?

Quando se inicia uma processo de emagrecimento, nem sempre é fácil manter a motivação, pelo que, traçar pequenas metas e estratégias, é fundamental para que este resulte.

 

O "dia da asneira" (cheat meal) pode servir de escape ou compensação pelo esforço e rigor ao longo de toda a semana alimentar. Mas será que na realidade este é benéfico?

Nem todas as pessoas são iguais, pelo que, a prática do "dia da asneira" poderá ser um trunfo em algumas pessoas e um erro para outras. Vamos analisar os prós e contras deste hábito para quem está num processo de emagrecimento:

 

Prós

Motivação: uma refeição onde possa usufruir de alimentos que não constem no plano alimentar, poderá servir de “miminho” ou compensação pelo esforço semanal, promovendo um momento de bem estar emocional, proporcionando um boost de motivação para continuar a dieta;

Socialização: se a refeição for uma escolha para poder ter uma prato “igual” à do seu companheiro, amigos ou família, "sem regras", poderá ter a grande vantagem de não lhe estarem sempre a questionar se está a fazer dieta;

 

Contras

Excedente calórico: o "dia da asneira" deve ser apenas uma refeição e não um dia inteiro de refeições carregadas de gorduras e/ou açúcar, pois, desta forma, poderá levar a um aumento de peso.

Indisciplina: o facto de se sair uma vez da rotina alimentar, nomeadamente em planos de dieta restritos, poderá levar a alguma dificuldade no regresso ao plano alimentar saudável, adiando, desta forma, os objetivos e resultados obtidos até então;

Transtornos alimentares: abusar das cheat meals poderá levar a uma compulsão alimentar e posterior sensação de culpa extrema, podendo mesmo chegar a episódios de bulimia ou hiperfagia.

Descontrolo alimentar: além do "dia da asneira" muitas vezes programado, surgem “exceções” alimentares não programadas tais como, festas de aniversários, jantares de família e/ou amigos, o que leva ao descontrolo do plano alimentar em vários dias numa semana, prejudicando, assim, o objetivo da perda de peso.

 

O sucesso para a perda de peso e manutenção dos resultados obtidos até então devem advir de hábitos alimentares saudáveis e adequados ao seu historial clinico e nutricional. Pelo que se deve evitar uma restrição severa com posterior compulsão alimentar. Desde que defina com o seu nutricionista a frequência com que pode ter estas exceções e peça exemplos de cheat meals, vai conseguir atingir os seus objetivos.