Área reservada

Esqueceu a sua palavra-passe? clique aqui

Cancelar

Registo de utilizador

Registo de utente

Registo exclusivo para utentes das consultas de nutrição Dieta Pura.

A IMPORTÂNCIA DA NUTRIÇÃO NO DESPORTO

A IMPORTÂNCIA DA NUTRIÇÃO NO DESPORTO

Uma alimentação adequada, através da ingestão de energia e nutrientes necessários a cada desporto, tem a capacidade de melhorar a performance atlética e promover uma boa recuperação após treino ou prova.

 

Já um consumo desadequado pode levar a perda de massa muscular, perda de força, risco de fadiga e lesão, comprometimento da função imunitária, endócrina, entre outros.

 

Qualquer tipo de desporto apresenta um desgaste para o organismo através de diversos fenómenos fisiológicos, como: inflamação, stress oxidativo, perda de fluidos e minerais, … Desta forma uma alimentação saudável é papel preponderante para uma preparação, recuperação e consecutivamente melhor performance e saúde do atleta.

 

Não só o plano de treino deverá ser prioridade para o atleta (amador ou profissional).Para que se chegue a uma harmonia entre nutrição e exercício físico não basta comer qualquer alimento, é necessário que a alimentação seja adequada de modo a dar resposta às principais necessidades. Numa consulta de nutrição especializada em desporto, terá acesso a:

 

- Plano de nutrição individualizado: cada tipo de desporto é diferente (nível, duração, frequência de treinos/provas,…) e cada atleta tem as suas caraterísticas (estado nutricional idade, sexo, frequência,…). Deste modo as escolhas alimentares devem ser ajustadas caso a caso e ter em consideração as caraterísticas referidas anteriormente;

 

- O que comer num pré treino/prova: entre 4 horas a 30 minutos antes é importante o atleta ingerir uma refeição, preferencialmente rica em hidratos de carbono. É essencial adaptar o horário e as escolhas consoante a tolerância do atleta para evitar desconforto abdominal;

 

- O que comer após o treino/prova: neste período que sucede a prática de exercício físico é necessário ter em conta vários aspetos, tais como: fazer uma reposição de reservas de energia através de alimentos que contenham hidratos de carbono; reposição de fluidos e minerais através de uma ingestão de água e eletrólitos; recuperação muscular através da ingestão de proteína, entre outros. Posteriormente poderão ser usados alimentos ricos em antioxidantes para diminuir o stress oxidativo provocado por os radicais livres formados durante a prática de exercício físico;

 

- Hidratação adequada: um consumo desadequado de água antes, durante e após a prova pode levar a desidratação que consecutivamente leva a aparecimento da fadiga precocemente e desequilíbrio em vários processos do organismo. Daí ser importante não só uma boa escolha alimentar mas sim um adequado consumo de água;

 

- Suplementação adequada: ponderar o uso de suplementos alimentares para melhoria do rendimento desportivo e/ou auxilio nas necessidades nutricionais especificas.

 

Assim, a alimentação, suplementação e aconselhamento por parte de um(a) nutricionista poderá fazer a diferença para quem quer ser um dos melhores.

 

Na Dieta Pura temos o Método Forzalab, um serviço de nutrição desportiva, para que possa ter o melhor acompanhamento através dos melhores profissionais. Saiba mais aqui: https://www.dietapura.pt/metodo-forzalab